Confuso


Aps provocao em voo, Lewandowski questiona advogado: "quer ser preso?"



O ministro do STF Ricardo Lewandowski teve um agastamento com um advogado durante um voo de São Paulo para Brasília nesta terça-feira, 4.

t

Em vídeo gravado pelo celular, o passageiro afirma: "ministro Lewandowski, o Supremo é uma vergonha, viu? Eu tenho vergonha de ser brasileiro quando vejo vocês". Rebatendo, Lewandowski questionou: ?vem cá, você quer ser preso? Chamem a Polícia Federal, por favor?.

Assista ao vídeo:

O passageiro é o advogado Cristiano Caiado de Acioli, irmão do procurador da República Bruno Caiado de Acioli, que atua na Lava Jato, e filho da subprocuradora-Geral da República aposentada Helenita Amélia Gonçalves Caiado de Acioli.

Os agentes da PF se dirigiram até a aeronave e perguntaram se o advogado iria causar problemas, ao que o advogado respondeu que apenas estava exercendo seu direito de livre manifestação.

Posteriormente, ainda dentro do avião, Acioli gravou outro vídeo dizendo para o restante dos passageiros que ele é apenas um cidadão exercendo um direito constitucional: "Eu não sou um presidiário tentando dar uma entrevista; eu não sou uma presidenta que vocês estão querendo ou não dividir os meus direitos políticos. Eu sou apenas um cidadão, que me dirigi respeitosamente ao ministro Lewandowski."

Veja:

Ao chegarem a Brasília, o advogado foi levado à superintendência da PF para prestar esclarecimentos.

 

 

 

Esta matéria foi colocada no ar originalmente em 4 de dezembro de 2018.
ISSN 1983-392X

Fonte: Migalhas - www.migalhas.com.br




São Paulo SP
Rua Pe. João Manuel 755, 8º andar
Cerqueira César CEP 01411-001
Tel: +55 11 3065-0006 Fax: +55 11 3065-0001


Rio de Janeiro RJ
Rua Visconde Pirajá 407 - sala 503,
Ipanema CEP 22410-003
Tel: +55 21 3596-4442 Fax: +55 21 3597-4442


Miami FL, USA
1401 Brickell Avenue, suite 500,
33131
Phone: +1 (305) 379-4400


2010 CPJAA Todos os direitos reservados.

www.watsons.com.br