Para especialista, a revogação da portaria do Ministério da Saúde foi positiva e necessária.