Para ministro o STF, Luiz Fux, não se sustenta o argumento da Prefeitura de que a divulgação das informações sobre o combate à pandemia causaria grave lesão ao interesse público.